BlogCursos

Drone?

Olá! Seja bem-vindo ao nosso blog.

Aqui, vamos dar início a uma série de matérias que vão te ajudar a conhecer melhor esta inovação que veio para ficar: os drones. Apesar de serem muito úteis e suas aplicações crescerem diariamente, ainda há um campo enorme a ser explorado, principalmente no Brasil. E como as características, qualidades e singularidades do drone ainda são muito pouco difundidas na sociedade, nossa ideia é te ajudar a entender melhor o que são e como funcionam, para que tu possas passar a considerar essa invenção extraordinária nos teus negócios e na tua vida.

Hoje, vamos falar um pouco sobre o termo drone. O que é? De onde surgiu?

Drone DJI Phantom 4 Plus

Drone, que em inglês significa “zangão”, é a palavra utilizada para dar nome a aeronaves não tripuladas com capacidade de vôo autônomo. É um nome peculiar, porém não foge ao seu sentido literal: esse veículo aéreo recebe o nome de drone pois enquanto está voando, produz um som muito semelhante ao do animal a que faz referência, como um zumbido. Ele foi originalmente projetado para fins militares entre as décadas de 60 e 80, como uma alternativa em situações de extremo perigo para o ser humano, já que ele é pilotado à distância, não havendo possibilidade de lesões aos seus operadores. Suas principais funções eram no combate aéreo e no reconhecimento de territórios inimigos.

Apesar de o termo ser bastante polêmico no meio técnico e entre pessoas que discutem o assunto, pois há quem defenda sua adoção apenas para veículos utilizados militarmente, nós, da DhiDrone, consideramos o termo de forma ampla. Buscamos seguir o conceito do mercado, utilizado principalmente por clientes e interessados no assunto, que buscam conteúdo seguro e legítimo, para que possam se informar e compreender mais profundamente a capacidade e versatilidade do drone, e quais as vantagens de levar sua utilização como parte de seu dia a dia, tanto no âmbito pessoal quanto no profissional.

O fato é que todo Drone é um VANT (Veículo Aéreo Não Tripulado), que responde aos comandos de um controle remoto à distância, através de sinal infra vermelho, rádio frequência ou pelo sistema de navegação global via satélite (GNSS, sigla derivada do inglês). No Brasil, existem diversos termos, entre eles, alguns de utilização bastante comum pela ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil), tais como: RPAS (Sistema de Aeronaves Remotamente Pilotadas), VANT, como citado acima, e também UAV, do inglês Unmanned Aerial Vehicle (Veículo Aéreo Não Tripulado).

Drone DJI Phantom 4 Plus

Devido ao seu significado, algumas pessoas defendem que apenas VANTs multirotores fazem jus ao nome de drone, pelo fato de serem os únicos que emitem som similar ao de um zangão durante seu vôo. Apesar disso, a palavra já vem sendo utilizada há tempos para definir os modelos militares, bastante utilizados nos EUA, que não necessariamente emitem o mesmo som. Por isso, e pela perpetuação de seu uso, os drones passaram a ser divididos mais especificamente de acordo com suas particularidades, para que possam ser distinguidos de maneira mais acessível e simples entre suas muitas formas de utilização.

A primeira divisão feita entre os drones diz respeito à aplicação, havendo os civis e os militares (pouco utilizados no Brasil), que compreendem aeronaves com mais de 150kg. No Brasil ainda não se tem uma regulamentação específica para este tipo de equipamento, apenas uma proposta, que compreende uma classificação por peso e pelo modo de vôo. Os termos da proposta incluem os VLOS (onde há um constante contato visual do piloto com o drone) e BLOS (onde o vôo se estende além do campo de visão do piloto).

O termo Drone, enfim, é bastante versátil, variando a amplitude do seu significado de acordo com o meio onde é utilizado. Fato é que drone, no meio popular, é a denominação que define todos estes veículos aéreos que temos visto cada vez mais sobrevoando nossas cidades, sendo por esporte, diversão ou até mesmo trabalho.

Este foi o primeiro artigo de uma série que vamos começar a postar aqui, com o objetivo de ajudar a popularizar o conhecimento e difundir a utilização dos drones na nossa vida.

Até mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *